29/08/2016

Bolo Anjo

Verão. Dias quentes e solarengos [ou não!]. Praia. Areia. Mar. E campo. Andamos com a casa às costas como o caracol. Dias que passam devagar, ao som dos pássaros nas árvores que se avistam para onde quer que se olhe. O despertar é vagaroso e a bebé fica tempos infinitos a olhar para as folhas da gigante palmeira que mora em frente à casa da aldeia.

09/08/2016

Panquecas de beterraba {sem ovos nem açúcar}

No mês de Agosto é suposto toda a gente ir para a praia de férias e a julgar pelo que se vê nas notícias achava eu que ir às compras seria mais fácil e calmo este mês. My mistake. Ia ficando maluca a primeira e ÚLTIMA vez que me armei em super Mãe e fui de listinha, com os miúdos, para o hipermercado. Saí de lá sem a maioria das compras porque ultimamente a paciência para estas coisas  esgota-se-me enquanto o diabo esfrega um olho. Trouxe o indispensável e possível de atirar para a parte de baixo do carro da bebé. Claro que metade das coisas importantes ficaram...

31/07/2016

Geladinhos de iogurte, framboesas e mel

As férias grandes na praia já lá vão... Foram duas semanas no sul, com mar e céu azul e a calma que tanto gosto de Armação de Pera. Este ano mais bem acompanhados, com a bebé Maria que apesar da  mudança, se portou como uma princesa. A presença dela alterou imenso as rotinas que já tínhamos quando íamos de férias para ali. Menos caminhadas [os passeios no calçadão não contam!!], menos idas ao mercado e substancialmente menos tempo na praia, claro!

26/07/2016

Piza enrolada

Tem sido muito raro ligar o forno nestes últimos tempos. O calor é tanto que só de pensar em aquecer ainda mais a cozinha, mudo logo de ideias. Mas confesso que ando com saudades. Saudades do cheirinho de bolo ou pão acabado de cozer. Estas fotografias têm um par de meses e encontrei-as quando andava a procurar outras nas mil e uma pastas de fotografias de comida que tenho. Gostava de ser tão organizada com estas coisas como sou na cozinha...

21/07/2016

Refeições para congelar {Como sobreviver ao primeiro mês com um recém nascido}


Provavelmente por já não ser a primeira, esta gravidez foi muito diferente da outra. Já tinha noção das dificuldades que ia enfrentar, com a agravante de estarmos agora sozinhos em Coimbra, sem família por perto para dar apoio naqueles momentos mais difíceis.
A pensar no pior cenário, imaginei-me com um recém nascido a chorar desalmadamente, e eu sem tempo para descansar muito menos (vontade!) para pensar em ir para a cozinha. Assim, uma das melhores coisas que fiz quando estava a preparar a chegada da Maria, foram estas cinco ementas semanais!

18/07/2016

Tagliatelle com pesto de sardinha e cavala {e uma mercearia a descobrir}

 
Uma das lembranças que tenho da minha infância é das mercearias pequeninas que havia na aldeia, com um cheiro tão característico e onde, miraculosamente, os donos conseguiam arrumar dezenas de produtos diferentes nas escassas prateleiras. Muitas destas mercearias foram fechando, com o falecimento dos proprietários e de todas, resta apenas uma. É uma pena, uma tristeza enorme ver como a aldeia está cada vez mais pobre e muitos jovens acabam por ir para as grandes cidades. Por vezes quando lá vou aos fins de semana, já não encontro os bancos cheios de pessoas, que apanhavam fresco debaixo das árvores frondosas e davam duas de letra mantendo a cusquice em dia.

26/06/2016

Dourada assada com tomate e cebolinha nova {e a ementa para duas semanas de férias}

Junho está quase a terminar e muitos já aproveitam o bom tempo para encher os pés de areia, dar um mergulho e relaxar. Mal vejo a hora de fazer o mesmo, este ano com uma companhia ainda mais doce! Vai ser uma aventura!
Posts relacionados Plugin for WordPress, Blogger...
blog design by WE BLOG YOU