11/01/2012

Frango "Borracho"

Sou o que posso chamar uma rapariga do campo na cidade... Quero com isto dizer que, apesar de gostar de toda a agitação, sinto falta de poder olhar longe e ver a linha do horizonte em vez de casas, pontes e carros. Nem sempre foi assim, como diz a minha mãe, a idade trás tudo, longe de mim pensar nisto há uns anos... Com o tempo, começo a valorizar outras coisas, outros costumes, pequenos momentos, pequenos gestos, aromas, pormenores. Um fim de semana no campo traduz-se cada vez mais em visitas à família, amigos e locais que me causam saudade. E para matar um pouco a saudade, nada melhor que aconchegar o estômago com um saboroso frango caseiro!
Esta receita foi adaptada da revista TeleCulinária de Janeiro. Esta revista faz parte de uma das minhas resoluções para este ano, foi a última que comprei... além de começar a ficar sem espaço, vou optar por explorar as que já tenho na prateleira e ao final de uns meses vou ter dinheiro para comprar um livro de culinária!

Ingredientes:
1 frango
100g de presunto
1 cebola
4 tomates maduros
2 dentes de alho
1 dl de azeite
1 cálice de vinho do Porto
1 cálice de aguardente
2 cálices de vinho branco
1 c. sopa de mostarda
1 caldo de galinha
1 folha de louro
100g de ervilhas
sumo de 1 limão
sal e pimenta q.b.

Arranje o frango, corte-o em pedaços e tempere-o com o sumo de limão, sal e pimenta. Descasque os dentes de alho e pique-os.
Lave os tomates, pele-os (faça um golpe em cruz e escalde-os em água a ferver, depois puxe a "pele"), retire-lhes as sementes e corte-os aos cubinhos.
Retire a gordura ao presunto e corte-o em pedaços (se for muito salgado demolhe-o num pouco de água quente!) e deite-os num tacho. Pique a cebola e junte ao tacho. Adicione o tomate, os alhos, o frango, o caldo de galinha, a mostarda, os vinhos, a folha de louro e o azeite.
Tape e deixe cozinhar durante 30 minutos em lume brando, mexendo a meio e acrescentando um pouco de água se necessário. Acrescente as ervilhas e deixe cozinhar mais um pouco.
Retire do lume e sirva a acompanhar batata cozida ou arroz.

Bom Apetite!

8 comentários:

Ginja disse...

Vera, um franguinho delicioso! E uma resolução acertada sem dúvida :) Já reduzi para 1 revista/ mês máximo.
Um beijinho.

Ondina Maria disse...

Por estes dias também partilhamos um frango borracho :p
Não tenho por hábito comprar revistas, a minha mãe tem muitas e entretenho-me a ler as colecções dela. Já com os livros, é-me difícil resistir!

Beth disse...

Vera, esta franguinho e essas ervilhinhas não me escapavam não, ficou uma pratinho muito apetitoso!

Bjs

Guloso e Saudável disse...

Vera,
Sou igualmente nascida no interior e já residi em algumas grandes cidades do mundo, mas por vezes aparece a saudade daquela vida mais simples.
O frango ficou mesmo borracho, também delicioso.
Beijo,
Vânia

Sofia.Lopez disse...

Olá Vera,
Temos algo em comum, mas ao contrário...troquei a cidade pelo campo. Entendo bem quando dizes que tens saudades de ver a linha do horizonte sem prédios, é muito agradável viver sem a confusão citadina :) Mas confesso que por vezes também sinto falta dessa agitação ;)

Gostei muito desta sugestão, mais um prato de frango bem delicioso, reconfortante e apetitoso!!Gostei muito da receita :)
Beijinhos

andreia_guedes disse...

Maravilhoso o teu frango!

EstáVento disse...

Já experimentei. Se o dito cujo ficou emborrachado ou não, nem dei conta, mas que estava absolutamente delicioso, isso estava!! bjs

Ana

Vera Ferraz disse...

Fico contente por teres experimentado e ainda mais se também gostaste como eu!!
Bjinhos

Posts relacionados Plugin for WordPress, Blogger...
blog design by WE BLOG YOU