07/05/2014

Beringelas com molho de requeijão de ervas



Estes dias recebi uma caixa cheia de coisas boas. Requeijão Saloio. Logo eu que adoro requeijão. Sabe-me pela vida com uma fatia de broa de milho e uma caneca de café bem forte como via a minha avó fazer. Mais um daqueles sabores que me sai diretamente do coração. E cada vez mais me acontece isso. Às vezes não sei se gosto das coisas só porque sim ou se, por algum motivo, a memória de tempos felizes falam mais alto e sussurram ao coração. Só ainda não senti isso em relação às favas. Mas não duvido nada se daqui a uns tempos trouxer uma receita com as ditas. É da idade [Big Smile]!


Quase em simultâneo com a caixa de requeijão, chegou um livro tão esperado e que já me andava a tentar há imenso tempo. Qualquer semelhança entre esta fotografia e a capa desse livro [não] é pura coincidência!! Falo do livro "Novo Vegetariano" de Yotam Ottolenghi. Um livro delicioso desde o início ao fim e com o qual me identifico absolutamente. Não sou vegetariana mas preocupo-me com as questões ambientais que se levantam quando pensamos no consumo excessivo e em massa de carne e peixe. Preocupo-me quando penso que a maioria de nós não tem tempo para ir às compras e que este ato, que deveria ser feito de uma forma consciente, se faça cada vez mais de uma forma automatizada sem dar possibilidade de ler ou perceber de onde vem o que estamos a colocar no cesto. Preocupa-me pensar que por isso, o que comemos é cada vez de menor qualidade, daí que apesar de gostar [muito] de carne e peixe, eu faça questão de fazer algumas refeições sem que estes estejam presentes. Assim, fiz um dois em um e adaptei uma receita do livro novo [é da praxe!] com uma das novidades Saloio. Requeijão com alho e ervas.

Ingredientes:
2 beringelas compridas
80 ml de azeite
sal, pimenta moída na hora e tomilho fresco

meio limão [opcional]
1 dente de alho
1 requeijão Saloio de alho e ervas
3 colheres de sopa de iogurte grego ligeiro [uso o do Lidl com apenas 2% de mat. gorda]
2 colheres de sopa de creme fraiche
framboesas ou romãs para enfeitar






Pincele a face cortada com o azeite, até a beringela o absorver por completo. Tempere com sal, pimenta e folhas de tomilho fresco.
Leve ao forno quente [200ºC], num tabuleiro forrado com papel vegetal, durante cerca de 40 minutos, ou até que a polpa de beringela esteja macia.
Enquanto isso, desfaça o requeijão com a ajuda de um garfo, junte o iogurte e o creme fraiche e mexa bem. Junte o dente de alho espremido ou picado muito fino, tempere com sal e pimenta. Se gostar, deite umas gotas de limão.
Quando as beringelas estiverem assadas, espalhe este molho por cima e enfeite com framboesas e algumas folhas de tomilho fresco.
Sirva como entrada, acompanhada de pão ou num jantar carbon free! 


9 comentários:

Dora Ramalho disse...

Bem, as fotos estão lindas!!!
A receita em sim parece ser bastante simples, e ao mesmo tempo daquelas que enche a vista e a alma!
Adorei ;)

Ovelha Negra disse...

Também não sou vegetariana mas partilho das mesmas preocupações que tu - acho que o ambiente não vai suportar por muito tempo se se continuar a consumir e produzir carne na quantidades actuais.
Por isso, cada vez mais, tenho optado por opções vegetarianas, que são super saudáveis
As fotografias estão espantosas :)

Maria Varredora Pau de Vassoura disse...

APESAR DE NÃO SER FÃ, ACHO QUE PROVAVA!!!

:))))

Ondina Maria disse...

Esse livro é delicioso. E o Plenty também é muito bom :)

Nem imaginas ao tempo que ando para fazer essa receita LOL

Petiscos e Miminhos disse...

Já tinha visto uma destas fotos no instagram, ficaram lindas Vera...adoro as cores!

Su M disse...

Também tenho uma receita minha destas beringelas no meu blog e tenho a dizer que foi tal o sucesso que já repeti vezes sem conta - ainda que sem as romãs, pois nem sempre as há.
Adorei a tua versão com as framboesas ;)

frango do campo disse...

lindo! sempre que vejo algum livro ou receitas dele só me lembro do restaurante em Londres onde a comida era linda e maravilhosa mas bem carota :(
beijinhos*

Susana Machado disse...

que belo aspecto!
Beijinhos,
http://sudelicia.blogspot.pt/

Marmita disse...

Que boa sugestão Veruxa! Tb adoro esse livro, não sou é grande fan de beringelas mas pode ser que com a idade tb me passe :) beijos e larga mas é as malditas bolas de Berlim!!! Ah instagram não deixas ninguem fazer dieta :)

Posts relacionados Plugin for WordPress, Blogger...
blog design by WE BLOG YOU